3

Registros de Enfermagem em feridas e curativo


Bom dia pessoas,como estão?Eu não tenho feito postagem né?É porque estou um tanto atarefada,mas estou sempre por perto,de olho,afinal é o olho do dono que engorda o gado,mas não vem ao caso o que interessa mesmo e que hoje me dediquei a escrever esta postagem legal e interessante sobre curativos,ela esta bem completa,bom eu a vejo assim bem completa,foi desse jeito que eu consegui entender como se faz uma boa evolução do curativo,de forma clara,básica e relevante.Bom vamos direto ao ponto!

Curativo: É um meio terapêutico que consiste na limpeza e aplicação de uma cobertura estéril em uma ferida, quando necessário, com a finalidade de promover a rápida cicatrização e prevenir a contaminação ou infecção,portanto qualquer informação que venha contribuir para o agravamento ou melhoria do quadro apresentado. Sugestões importantes para a qualidade do tratamento. Ações que visem impedir a piora da lesão ou do quadro clínico que o paciente venha apresentar. Atentar para quadro de febre, sangramento, temperatura da pele ao redor da lesão e dor excessiva devem ser considerados e com toda a certeza anotados como informações de maior relevância.
A evolução do curativo, bem como os materiais gastos deverão ser anotados ao término de
cada curativo, evitando assim erros e esquecimentos de anotações.
Se houver mais de um curativo em um mesmo paciente anotar as informações separadas

O que registrar?
Características e evolução da lesão, o que foi feito e o que foi usado como tratamento (pomada, desbridamento, carvão ativado)
 Como registrar?
Descrever de forma que as informações mais importantes sejam destacadas e como as ações foram realizadas. Deve constar do carimbo e da assinatura do profissional que faz o registro (não deve ser usado rubrica) além da data e hora.
 Onde registrar?
No prontuário do paciente. Cada hospital tem sua norma para os registros, pode ser na folha de prescrição, na folha de evolução multidisciplinar ou algum outro impresso próprio para registro.
Por que registrar?
Atualmente é uma exigência que demonstra a participação do profissional na assistência prestada ao paciente. Faz parte do processo de acreditação hospitalar e da SAE.

PRINCÍPIOS BÁSICOS PARA AVALIAÇÃO DE FERIDAS
Localização anatômica
Tamanho: cm2/ diâmetro;
Profundidade: cm;
Tipo / quantidade de tecido: granulação, epitelização, desvitalizado e necrose;
Bordas: aderida, perfundida, macerada, descolada, fibrótica, hiperqueratose;
Pele peri-ulceral: edema, coloração, temperatura, endurecimento, flutuação, crepitação,
descamação;
Exsudato: quantidade, aspecto, odor.

É como eu esperava,é de grande importância uma boa evolução do curativo,portanto tenha muita atenção e cuidado ao fazer uma evolução do curativo fica a dica e muito sucesso,beijos no coração!

Referência bibliográfica:
MANUAL DE CURATIVOS



3 comentários:

  1. Michele é bom ter alguém por perto que nos trate da saúde, estou a brincar mas seu blog tem dicas muito boas, e de certo não vou perder o rasto de seu blog, foi dificil encontrar como ir ao inicio de seu blog mas descobri,fico honrado por ter o seu blog como seguidor.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  2. muito bom tirou algumas duvidas entendir

    ResponderExcluir
  3. muito bom tirou algumas duvidas entendir

    ResponderExcluir